Atenção vem aí o Feminismo Fufa - Biografias Eróticas
Chinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapanesePortugueseRussianSpanish

Atenção vem aí o Feminismo Fufa

Isto sim não é supositório, até que enfim um estudo a sério, aqui não há manipulações ou desvios, cada clique conta como um ponto, não há intermediários idiotas, cheios de opiniões ou de ideias, de tanta cultura vazia, ou daquela tendenciosa, que nos obriga a modos de ser ou de estar, a ir por caminhos escolhidos pelos outros, para nos mandarem para uma forca que já colocaram à nossa espera.

Não não, aqui foi o Pornhub que recolheu os quereres e desejos das gajas do mundo todo, na forma de termos e categorias escolhidas, e pode-se enfim, com muita segurança e certeza, chegar a esta conclusão: pelo menos 35% das gajas do mundo são fufas, ou têm pensamentos pecaminosos com fufas, mais de um terço caralho, os homens estão fodidos e então aqueles idiotas que  só pensam em reprodução.


E não é só isto, é dramático demais, porra!!! que os números não enganam, as gajas não param, não vêm só filmes de gajas a lamberem-se, é também comprar dildos à força toda, é strap-ons que é mais ou menos uma liga com um caralho grande na ponta, é pilas grandes de preto mais que muitas, estão a substituir tudo, carninha da boa por borracha mais dura, é uma espécie de novo feminismo fufa, está tudo fodido.

Pense-se que no mundo há mais homens que mulheres, é um dado estatístico há muito tempo recolhido, numa razão dois terços para um, nunca se viu tanto corno como agora, o futuro já estava à porta, cada gaja podia ter mais que um, mas agora foda-se!!! ainda é pior, está explicado, isto é um movimento de gajas, para acabar com os homens.

E agora é que se percebe, tanta procura por caralho grande, a oferta é o que manda, homens preparem-se que por este andar, têm de interiorizar que vão crescer sem cona, pilas pequenas e com defeito, esses estão todos fora, com sorte que é pouca, vão passar a vida toda a só bater punheta.


O Pornhub não tem dúvida, as mulheres adoram pornografia, cada vez mais dizem eles, e nesse estudo mundial, ver ‘Lésbicas’ é, de longe, a categoria mais procurada pelas consumidoras de vídeos porno, nomeadamente as portuguesas.

Vejam bem, que isto não é para brincar, até a categoria "Anal" vem muito depois, entre a de fufas e esta ainda estão as de ‘Madura’, ‘MILF’, ‘Mulheres Tatuadas’, ‘Dupla Penetração’, ‘Vintage’ e ‘Masturbação’, que mais não são mais gajas fufas de espécie mais elaborada, verdadeiramente problemático, um problema ambiental, cada vez haverá menos gajas com que os homens, só os "escolhidos", possam contar.

Os outros, a arraia miúda, os disfuncionados, impotentes, pilas médias e pequenas, com banhas, todos ficam pela punheta ou então pelos artefactos, conas de borracha, bombas, bathmates, etc., o melhor é habituarem-se porque se isto é onda, meus amigos, tão cedo não vai mudar.

ha ha ha, e desta vez o Pornhub arrebentou, havia os patetas românticos que achavam que mulher é púdica por natureza, tem sempre muito amor para dar, e que se vêm filmes pornográficos é porque procuram essencialmente cenas românticas, porque, supostamente, esse é um fator essencial para aumentar a libido.


Cum caralho, é difícil acreditar, que ainda há idiotas que assim pensam, as gajas são como os homens no mesmo desejo, de querer entesar a ver pessoas a foder, a ver filmes pornográficos, e depois imaginar ou mesmo aplicar, o que aprendem de tão ilustre saber, se diferentes são é na forma como os vêm, os homens para bater punhetas, elas para aprenderem como proceder.

Só que os homens são poucos, e dos poucos que há não desenvolvem como deve de ser, a gaja vê o filme e pensa logo ser comida como a atriz do filme, vai lá homem competir com os caralhos grandes do protagonista, e daí, se calhar, começa a frustração, passa a mulher a procurar gajas a foder, que oferecem melhor ilusão.

E aí não há mesmo dúvidas, o Pornhub descobriu que sobre as pesquisas dos utilizadores, dividindo-os por género, as gajas são 29% do total de visitantes, sendo "Lésbica" o termo mais pesquisado pelo público feminino.

E quanto ao crescimento de ano para ano, não pára, meus amigos, não pára, isto é terrível, quase assustador, não se sabe o que aí vem, salvem-nos as bonecas de borrachas, robots de gajas fodilhonas, qualquer coisa, mas salvem-nos desta praga, dêm-nos cona, dêm-nos cona, por favor, a mama está-se a acabar, as pesquisas de gajas pelos termos "strap on lésbico" cresceram 392%, e vejam que "transexual", ou seja gajo com vagina, ou gaja com pila, registou só uma pequena subida de 73%.


O PornHub também explica que as mulheres têm mais 281% de probabilidade de ver a categoria "Cunnilingus" quando comparadas aos homens, cunnilingus, meus amigos de estrada, preferem isto que vídeos de "Homens a Solo", ou seja, de gajos de pau feito, isto é incompreensível, uma revolução, o mundo está em mudança, e não se sabe para que sentido, dizendo eles que "As mulheres continuam a preferir pornografia de lésbicas. Elas podem ver atos que gostam que sejam praticados em si mesmas - é por isso que 'cunnilingus' é popular". 

E dizem mais que, "Todos os anos vemos um aumento, o que indica que as mulheres estão cada vez mais confortáveis com explorar a sua sexualidade, afastando-se da ideia de que a pornografia é só para homens - que mudança em apenas algumas décadas!", e meus amigos, até no "Pussy licking" elas estão à frente, para quem não saiba inglês, quer dizer "lamber cricas", isto é inacreditável.

E vejam bem, aquele número dos quase 30% é uma média mundial, porque nalguns países, o feminismo fufa já atinge proporções consideráveis, nas Filipinas têm a maior proporção de visitantes do sexo feminino, em 38%. Seguem-se o Brasil e a África do Sul, com 35%. O Japão e a Itália viram as visualizações femininas crescer 6 pontos percentuais em comparação com 2017.


Foda-se que isto não pára, e em Portugal, as principais conclusões são:

- Mais de metade dos utilizadores usam dispositivos móveis, tais como smartphones (47%) e tablets (10%);

- A segunda-feira é o dia da semana que regista um maior tráfego de visitantes portugueses, especialmente entre as 23H e a uma da manhã. Já o sábado é o dia com menos visitas;

- Em média, os portugueses passam cerca de 9 minutos e meio no PornHub em cada visita, sendo que há uma grande discrepância em determinadas regiões como, por exemplo, o Porto (25 segundos) e Santarém (33 segundos);

- a categoria mais vista é "Anal", seguida de "MILF", "Lésbica" e "Mais Velho(a)"

- as mulheres representam 22% dos visitantes oriundos de Portugal.

Olhem para isto, 22% dos visitantes portugueses do Pornhub já são gajas, caminham para os 30% a passos largos, valha-nos é o facto de serem ainda tradicionais, ainda mantêm a categoria de levar no cu ("Anal") como o seu interesse principal, só depois das mulheres de cornudos (Milf), é que vêm as lésbicas, aqui ainda há alguma esperança, comecemos já a trabalhar, a prevenir o futuro que aí vem, e talvez, digo talvez, ainda se consiga ir a tempo de minorar o impacto do feminismo fufa.

Apesar de não augurar grande sucesso a esse propósito.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Não deixe de comentar, o seu comentário será sempre bem vindo