O amor por automóveis tem caminhos misteriosos - Biografias Eróticas

O amor por automóveis tem caminhos misteriosos

Acordei hoje à procura de outras formas de erotismo, quase sempre incompreendidas, que é o amor por carros, histórias esquecidas que vale a pena registar.

1. Homem preso quando tentava fazer sexo com ... carro (link abaixo)

Um homem foi preso pela polícia quando tentava abusar de um automóvel. Ao que parece, estava nu e agarrado ao tubo de escape. 

Para os transeuntes da cidade de Newton, no Kansas, ver um homem nu debaixo de um carro já era suficientemente suspeito. Depois, o facto de o indivíduo estar a acariciar o escape, sugerindo ter segundas intenções, alertou mesmo os espíritos mais tolerantes, que resolveram partilhar as suas suspeitas com a polícia, que acorreu ao local na esperança que tudo não passasse de uma paródia.

“O indivíduo foi apanhado a tentar enfiar o pénis no tubo de escape do carro”, lê-se no relatório das autoridades. Mas a polícia não resistiu a proporcionar mais detalhes, confessando que “mesmo depois de o termos mandado parar, ele continuou naquilo”. 

Quando os agentes chegaram ao local apanharam efectivamente o suspeito nu da cintura para baixo, a tentar ter relações sexuais com o veículo.

A cena de sexo ao vivo terminou quando os agentes, fartos da situação, resolveram dar um choque ao Don Juan dos escapes com um taser, que certamente lhe retirou a vontade de repetir a graça pelo menos nos tempos mais próximos.

A defesa do homem de 24 anos vai certamente contestar a acusação, eventualmente alegando que o sexo foi consentido, ou que o carro se insinuou de forma provocante, roncando em todos os cilindros. 

Ou, como o jovem estava bêbado, até poderá alegar que com o álcool confundiu o veículo com alguma amiga sua. Se bem que, como não há descrição do modelo, ficámos sem saber se o motivo da paixão era um deslumbrante Lamborghini recém-saído do stand, ou uma velha pick-up cheia de mazelas.

https://observador.pt/2018/05/05/homem-preso-quando-tentava-fazer-sexo-com-carro/

2. Homem admite ter praticado sexo com mais de mil carros (link abaixo)

Edward Smith é americano e vive com a namorada. Este caso não seria notícia se a namorada do citado Smith fosse um ser de carne e osso. Ora o caso é que a 'respectiva' deste senhor não é uma mulher, mas sim um carro, mais precisamente um Volkswagen Beetle (o famoso 'Carocha') chamado 'Vanilla' ('Baunilha').

Este homem de gosto peculiar explica: «eu sou um apreciador da beleza que nessa atitude vai um pouco mais longe do que a maior parte das pessoas».

Romântico por natureza, presenteia as máquinas pelas quais se apaixona com poesias, canções e horas de conversa, como qualquer homem apaixonado faz com o objecto da sua devoção.

Diz que, inicialmente, não percebia os sentimentos que o assolavam e explica que «havia momentos em se no meio do nada via um carro estacionado, imediatamente sentia que este precisava de amor». então, esperava que caísse a noite para o acarinhar, beijar e abraçar, avança o the telegraph.

Smith, de 57 anos, teve sexo com um carro pela primeira vez quando tinha 15 anos e explica que nunca se sentiu atraído nem por homens nem por mulheres.

A última vez que esteve com uma mulher foi há 12 anos atrás e não conseguiu consumar o acto sexual, pois, segundo o próprio afirma: «eu sei o que está no meu coração e não sinto qualquer desejo de mudar».

Antes de vanilla teve uma relação de cinco anos com victoria - um beetle de 1969 que comprou a um casal de testemunhas de jeová.

Porém, o seu gosto por máquinas é abrangente e não se fixa apenas nos carros. de acordo com o próprio, a experiência sexual mais intensa que já viveu foi com um helicóptero da série televisiva dos anos 80, 'airwolf'.

Edward smith aceitou falar pela primeira vez sobre as suas preferências sexuais para um documentário do canal televisivo norte-americano channel 5.

Este trabalho televisivo irá dar a conhecer à generalidade da população a 'mecanofilia', nome desta obsessão por máquinas (bicicletas, veículos a motor, helicópteros e aviões) que é comum a algumas centenas de pessoas.

https://sol.sapo.pt/artigo/19677/homem-admite-ter-praticado-sexo-com-mais-de-mil-carros

Sem comentários:

Enviar um comentário

Não deixe de comentar, o seu comentário será sempre bem vindo